ESCUMALHA – Sobre o lançamento, Entrevista ao Estado de São Paulo

Renato Vieira

23 de maio de 2019 | 14h59

Nome forte do samba paulistano, o cantor e compositor Douglas Germano apresenta seu terceiro álbum solo, ‘Escumalha’. Nesta entrevista, ele fala sobre o novo trabalho e o show de lançamento.

Douglas Germano. Foto: Adriana Aranha

A palavra “escumalha” está em duas faixas do disco. Foi daí que você teve a ideia do título? Não; escumalha foi o tema de partida para as composições. A inspiração inicial surgiu do poema de Manuel Bandeira, ‘Poema Tirado de uma Notícia de Jornal’. É um trabalho voltado ao Brasil real, e não ao oficial. Para pessoas entre a meia e a terceira idades, alheias às redes sociais e à internet – que socializam na fila do ponto de ônibus, no trem, na fila do SUS, na igreja, no “butiquim”, de passagem; e que se informam apenas por TV e rádio.

Existe um conceito que amarre as dez faixas? Sim, as faces da escumalha. A escumalha (como) sinônimo de podridão de caráter, mencionada direta ou indiretamente nas composições ‘Valhacouto’, ‘Vil Malandrão’ e ‘Babaca’; e a escumalha digna, nobre, a ralé que produz o que temos de mais sofisticado culturalmente.

Como será o show de lançamento no Sesc Pompeia? Apresentarei todas as músicas do CD ‘Escumalha’ e algumas inéditas, que são a continuidade do trabalho de composição sobre o tema. Haverá também projeções de imagens que me inspiraram e auxiliaram nas composições, dos fotógrafos Arnon Gonçalves, Xirumba Amorim e Rafael Frydman.

ONDE: Sesc Pompeia. Teatro (342 lug.). R. Clélia, 93, 3871-7700. QUANDO: 5ª (30), 21h. QUANTO: R$ 6/R$ 20 . Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

Link para a publicação aqui.

#douglasgermano  #escumalha  #bocadeloboproduções

Leave a Reply

Your email address will not be published.